quarta-feira, setembro 28, 2016

domingo, setembro 25, 2016

sexta-feira, setembro 23, 2016

quarta-feira, setembro 21, 2016

Milagre no Rio Hudson



Clint Eastwood pegou no insólito e inacreditável episódio, ocorrido em 2009, em que um piloto conseguiu uma aterragem de emergência no rio Hudson, logo após a descolagem, salvando os 155 ocupantes do avião.
Neste filme não há qualquer exploração abusiva dos efeitos especiais nem a utilização fácil das cenas de terror naturais em tais situações.
Clint, com a ajuda preciosa de Tom Hanks, debruça-se sobre o drama humano do piloto. Um homem que se vê subitamente herói universal e, simultâneamente, suspeito de não ter tomado as decisões mais seguras durante a emergência.
Uma situação só possível numa cultura de responsabilização onde não se hesita submeter a inquérito rigoroso mesmo alguém que é idolatrado pelas massas.
Coloca as seguintes questões muito interessantes:
1. A indústria aeronáutica dispõe de tecnologias espantosas mas, como em certas situações é inevitável o factor humano, quais são limites dos sistemas automáticos?
2. Como balancear a capacidade tecnológica para modelar e simular situações, por um lado, e a intuição humana e o saber acumulado pela experiência, por outro?
3. Em que condições é legítimo julgar à posteriori situações e decisões que tiveram lugar sob tensão em ambientes irrepetíveis?
Uma problemática em que não andamos muito longe dos "prognósticos depois do jogo" ou mesmo das soluções milagrosas para sair da bancarrota que certos políticos apresentam "depois do jogo" sabendo que os erros de tais soluções nunca poderão ser demonstrados.
A política e a economia não possuem simuladores de voo.

terça-feira, setembro 20, 2016

FLASHBACK no Porto






FLASHBACK no Porto
A exposição abriu ontem, nas instalações da Atmosfera M do Porto onde fomos recebidos com toda a cortesia. Aqui ficam os meus agradecimentos.
Nas paredes 34 fotografias e nas vitrines 38 câmaras da colecção. O espaço não dava para mais.
A assistência mostrou-se interessada e proporcionou animados debates.

sexta-feira, setembro 16, 2016

AMATEUR


Fui ver o recém estreado filme da Olga Ramos, que trata da vida e obra do pioneiro da fotografia Carlos Relvas. Com especial foco na espantosa casa-estúdio que ele construiu, com toda a probabilidade uma das mais interessantes do mundo.
A oportunidade e qualidade do filme é inquestionável pese embora um certo desequilíbrio nos ritmos e a inclusão demasiado longa de assuntos laterais e menos conseguidos.
Eu, que tal como Relvas me assumo sempre como "amador" da fotografia, saí da sala esmagado pela quantidade e qualidade da sua obra (daquilo que me foi dado ver).
Depois do que andei a fazer nos últimos cinco anos penso ter uma boa noção do esforço necessário para produzir, como Relvas fez, 5.000 fotografias com a tecnologia do colódio húmido e mais uns milhares depois disso.
Para além do mais ele tocou muitas áreas diferentes, desde os instantâneos e paisagens até à fotografia encenada; desde a fotografia do rei até aos retratos das ovelhas e cães.
Em pleno século XIX ele percorreu muitos caminhos que nos deixam perplexos neste início do século XXI.

terça-feira, setembro 13, 2016

FLASHBACK no Porto




FLASHBACK no Porto
No dia 19 de Setembro, pelas 18 horas, irei conduzir uma visita guiada da minha exposição FLASHBACK.
Estará patente no espaço "Atmosfera M", no Porto, e incluirá umas dezenas de máquinas fotográficas e rolos de filme do século XX.
Em paralelo estarão expostas fotografias realizadas com máquinas e rolos produzidos entre 1908 e 1998.

sábado, setembro 10, 2016

Importante e insuspeito


Importante e insuspeito

sexta-feira, setembro 02, 2016

Há 49 anos



faz hoje 49 anos que entrei na Escola Naval para o curso da Reserva Naval.
Depois de passar pela Escola de Fuzileiros parti, no primeiro de Maio de 1968, para uma comissão na Guiné.

quinta-feira, setembro 01, 2016

Senhorios sociais



Jornalista insuspeita de neoliberalismo denuncia demagogia do governo de Costa

terça-feira, agosto 30, 2016

Feira de Grândola 2016






Feira de Grândola 2016

quinta-feira, agosto 25, 2016

Atrás do Azerbaijão

Atrás do Azerbaijão
A realidade do nosso desporto (sem futebol, claro)
Os atletas não têm nada que se sentir atingidos pela objectividade destes números. Os culpados são outros.

segunda-feira, agosto 22, 2016

Tarde de Verão no cinema



Tarde de Verão no cinema
o filme escolhido foi "Regresso a Ítaca" de Laurent Cantet (o excelente realizador de "O Emprego do Tempo" e "Recursos Humanos").
Um grupo de amigos reencontra-se ao fim de muitos anos num telhado de Havana.
O tema da fuga do país está sempre presente. Assim como as ilusões políticas desfeitas e a sua influência nos destinos pessoais.
Num percurso sinuoso sucedem-se as recriminações, as revelações e as perplexidades.
Pode dizer-se que uma cena parecida podia, relativizada, ter lugar num café de Lisboa entre velhos militantes.
No fim da noite a única coisa que resta é uma amizade dolorosa que não se pode perder.

quarta-feira, agosto 17, 2016

terça-feira, agosto 16, 2016

Aflicções


terça-feira, agosto 09, 2016

O fim do desemprego, e não só




O fim do desemprego, e não só

A proposta que vou apresentar é um ovo de Colombo. Até faz impressão pensar “como é que nunca ninguém se lembrou disto?”.
No entanto é de execução simples e a sua eficácia está comprovada, na prática, há décadas.
Faz-se assim:
1. Legisla-se uma nova entidade, o “sector privado” em paralelo com o “sector publico”. O "sector privado" será uma espécie de cúpula de todas as empresas do país.
2. O “sector privado” adoptará em tudo o que for possível as regras do “sector publico”
3. Não haverá portanto empregados da empresa A ou da empresa B, mas sim empregados com vinculo ao “sector privado”. Os “funcionários privados”.
4. Quando alguma empresa for à falência ou feche, por qualquer motivo, os seus “funcionários privados” em vez de irem para o desemprego serão recolocados pelo “sector privado” respeitando as regras estabelecidas em termos de localização e preservando os direitos adquiridos.
5. Será aprovado na AR um “Estatuto do Trabalhador em Funções Privadas” para definir as carreiras e o inevitável progresso dentro delas.
6. Em caso de abrir uma vaga em qualquer ponto do país, quer se trate de jardineiro, cozinheira, gestor ou qualquer outra, deverá ser aberto concurso nacional para o respectivo preenchimento.

quarta-feira, agosto 03, 2016

Afinal não tem importância nenhuma

Quando tínhamos um governo neoliberal, que dizia estar a baixar o défice, o camarada Costa respondia que o importante era a dívida, que continuava a aumentar. Afinal agora já não tem importância nenhuma

quinta-feira, julho 28, 2016

A estratégia de Costa vai-se revelando



A estratégia de Costa vai-se revelando
Seja o que for que venha a acontecer, nos cortes e nos impostos, será apresentado como uma "imposição europeia".
Costa chegou ao poder com base em promessas de forte crescimento do PIB e do emprego. Nada disso aconteceu.
Em consequência as "reposições de rendimento" e as reversões avulsas deixaram de ter sustentação e, Costa sabe-o bem, mais tarde ou mais cedo farão derrapar o défice.
A austeridade que aí vem será pois atribuída ao inimigo externo, que além do mais inflama o patrioteirismo.

quarta-feira, julho 27, 2016

segunda-feira, julho 18, 2016

domingo, julho 17, 2016

Texto importante



Texto importante
sobre a aberração do "Sector Público", que eu venho repisando há muito tempo.
Só peca por omitir as circunstâncias, muito diferentes, em que Passos e Costa cometem os seus erros.
Por vir de quem vem talvez toque algumas consciências cujo fanatismo não tenha obnubilado de vez.


terça-feira, julho 12, 2016

domingo, julho 10, 2016

sábado, julho 09, 2016

SIBERÍADA - Andrei Konchalovsky (1978)



SIBERÍADA - Andrei Konchalovsky (1978)
Há muitos anos que queria ver este filme, por causa das mútiplas referências que lhe são feitas.
Trata-se de uma bela (e longa) saga de famílias que desbravam a Sibéria ao longo do século XX, e do impacto das transformações políticas na longínqua região.
Mistura poesia e militância. A famosa "alma russa" sempre em conflito com uma realidade e natureza brutais.
Eu estive na Sibéria em 1980- Irkutsk, lago Baikal e Bratsk- apenas dois anos depois de este filme ter sido feito.
Não vi o filme quando saíu mas consigo imaginar a comoção que ele provocava quando a derrocada da URSS não era sequer pensável.

terça-feira, julho 05, 2016

Visitando o interior


Visitando o interior

O referendo da Catarina (e não só)




A Geringonça na sua luta pela sobrevivência está a praticar uma temerária política de terra queimada. Adoptou um discurso anti-europeu e em particular anti-germânico que, como se viu na Grécia, não tem qualquer saída airosa.
O povo português está a ser arrastado para uma deriva irracional pela qual podemos vir a pagar um preço elevado. 
No dia em que a Europa se desmoronar, ou deixar de ter condições para prestar ajudas de emergência, Portugal atingirá finalmente o défice zero. Então perceberemos quão penoso é viver só com o que produzimos e sem os empréstimos dos execrandos europeus.

terça-feira, junho 28, 2016

Pirómano



O Doutor Costa é um pirómano 
que desiste do seguro de incêndio 
para arranjar dinheiro para a gasolina

quinta-feira, junho 23, 2016

Três leões


domingo, junho 19, 2016

O Galo de Marcelos



Soubemos de fonte segura que todos os jogadores da selecção, seja qual for o resultado obtido no Euro 2016, receberão à chegada a solo pátrio um azulejo especial oferecido com muito afecto.

quinta-feira, junho 09, 2016

12º Aniversário



O DoteCome faz hoje 12 aninhos.